Postado em: 15/07/2014 às 14:20 - Por: Neli Carpinter

Depois daquela abertura nada brasileira da Copa do mundo, 32 dias se passaram. Tivemos uma tempestade de gringos em nosso país. Com eles aprendemos coisas boas e vimos o que se fazem de ruim e que podemos melhorar como seres humanos. Com nossos conterrâneos também tiramos algumas lições.

Imagem reprodução: Google

Imagem reprodução: Google

Eu, como boa brasileira, torci muito pelo meu país, vejam bem, pelo PAÍS e não somente pela seleção brasileira, que convenhamos, deu um show vexaminoso e nem sequer chegou a jogar no Maracanã.

Mas, deixando a tristeza pela incompetência de lado, vamos ver o que ficou depois dessa “Copa das copas”?

Em primeiríssimo lugar o show de civilidade dos japoneses. Isso sim é exemplo de país desenvolvido, exemplo de cidadania e amor ao meio ambiente. Perdendo ou ganhando, continuamos a ser gente.

imagem reprodução: Google

imagem reprodução: Google

Destaco também todo o legado deixado pelos alemães ao povo de Cabrália, onde ficaram hospedados. Confesso que chorei ao ler a matéria, mas foi um choro de emoção por ver que a Federação Alemã de Futebol tem como política ajudar instituições por onde passam em competições. Será que a CBF aprendeu a lição? Espero que sim neh?

Imagem reprodução: Google

Imagem reprodução: Google

Falando ainda dos atuais campeões do mundo, um grande exemplo de simpatia, Podolski, que praticamente se naturalizou por si só, brasileiro. Aprendamos com ele a esbanjar simpatia por onde passarmos.

Imagem reprodução: Twitter Podolski

Imagem reprodução: Twitter Podolski

Em contrapartida a tantos belos exemplos, tivemos na abertura da Copa a mais vergonhosa recepção a nossa presidente Dilma. Política à parte, trata-se de um ser humano e líder à qual devemos sim, respeito. Gostaríamos de ver o pastor da nossa igreja, o nosso padre, o pai/mãe de santo de onde frequentamos, ser vaiado por outros que não são simpáticos a ele/a? Cadê a educação que recebemos em casa? Pois esta, com certeza não aprendemos na escola, então não podemos culpar nossos governos. Vamos pensar bem nisso e tirar mais uma lição pós Copa.

Imagem reprodução: Google

Imagem reprodução: Google

Li e ouvi muitas reclamações a respeito das construções/reconstruções dos estádios e outras obras antes da copa. Agora, pensemos com a cabeça, gastou? SIM!! Muito? SIM!! Adiantou tanto falatório? NÃO!! Então tiremos proveito dessas obras. Temos 12 grandes estádios que estarão de pé por muitos e muitos anos. Agora podemos sim, dar sugestões, principalmente agora que estamos praticamente em campanha eleitoral, de que estes estádios sejam utilizados além de cenário para jogos, como algo de utilidade pública. Aqui em minha cidade, Volta Redonda – RJ, o estádio, chamado de “estádio da cidadania” também oferece em suas instalações, serviços de educação, inclusão social e saúde à população da cidade. Recomendo que assita o vídeo abaixo e depois compartilhe com seus amigos:

Bom, eu enumerei as coisas que ficaram “depois da Copa” e me chamaram a atenção. E você, tem algo que te chamou atenção nessa copa e que destacaria como sendo de aprendizagem para nós brasileiros? Deixe seu comentário!

Posts Relacionados:
♥ ♥ ♥ Comentários ♥ ♥ ♥

(*) Campos Requeridos



Em 18-07-2014 às 5:51 pm

Oie tudo bem?
Gostei do post, eu p/ falar bem a verdade, não torci tanto assim pelo Brasil, eu já percebi no primeiro jogo que estava jogando mal aí perdi a esperança por isso nem torci tanto assim mas gostei do post =D
Bjs!!