Postado em: 24/01/2017 às 17:57 - Por: Neli Carpinter

Mais uma vez fui prestigiar o cinema nacional.
Após 3 anos foi lançado o segundo filme da franquia (penso que seja uma) Minha mãe é uma peça.


Ficha Técnica:

Direção: César Rodrigues
Elenco: Paulo Gustavo, Rodrigo Pandolfo, Mariana Xavier mais
Gênero: Comédia
* Não recomendado para menores de 12 anos
Fonte: Adoro Cinema

Sinopse:
Dona Hermínia (Paulo Gustavo) está de volta, desta vez rica, pois passou a apresentar um bem-sucedido programa de TV. Porém, a personagem superprotetora vai ter que lidar com o ninho vazio, afinal Juliano (Rodrigo Pandolfo) e Marcelina (Mariana Xavier) resolvem criar asas e sair de casa. Para balancear, Garib (Bruno Bebianno), o primogênito, chega com o neto. E ela também vai receber uma longa visitinha da irmã Lucia Helena (Patricya Travassos), a ovelha negra da família, que mora há anos em Nova York.

Este texto pode conter spoiler, o que pode revelar partes do filme. Se não quiser ler, sugiro que visite outros posts no Vida que Segue.

Assim como no filme anterior, este também gira em torno de dona Hermínia, uma mãe com suas angústias, mas agora avó, rica e apresentadora de um programa de televisão.

Paulo Gustavo incorpora a personagem com grande magnitude. As perucas perfeitas e roupas sempre alinhadas, (fiquei apaixonada pelas saias da dona Hermínia). Às vezes até esquecemos de que é um homem que está atuando ali.

O filme está bem mais clean que o outro, apesar de os personagens se valerem de “palavrões”, o humor está bem mais leve, mais gostoso de se ver e ouvir.

Dona Hermínia está vivendo a síndrome do ninho vazio. Seus filhos saindo de casa, indo morar em São Paulo… Marcelina foi ser atriz e Juliano, que agora é bissexual, vai em busca de trabalho. Hermínia se sente sozinha, sem ninguém para conversar. Mas nem por isso se isola do mundo. Coloca seus dilemas no programa que apresenta, tenta entrar para uma academia, vai visitar os filhos em São Paulo e sai para a balada com eles.

Algumas cenas do filme fogem do humor e emocionam. Como as cenas da tia Zélia.

Percebi que algumas sequencias não fariam falta no filme. Uma delas é o encontro de dona Hermínia com Fátima Bernardes nos bastidores do programa. Tudo bem que enriquece o elenco, mas não acrescentou nada de interessante ao filme.

O final do filme deixa uma ponta que dá a entender que teremos sim o terceiro filme, com dona Hermínia em Nova York.

Vamos aguardar!

Posts Relacionados:
Postado em: 23/01/2017 às 00:22 - Por: Neli Carpinter

Como vinha sendo anunciado pela emissora, o BBB 17 estreou nessa segunda-feira e com novo apresentador: Tiago Leifert. Um ótimo apresentador, que vem crescendo a cada dia, porém nessa estréia, faltou um algo mais. A abertura foi muito “sem sal”. Não chamou a atenção.

Foto: Reprodução Globo

O cenário do estúdio, diferente dos outros anos, está bem mais bonito e parece que vai haver uma maior interação por ali, mais dinamismo do apresentador.

Tiago explicou alguma coisa sobre como funcionará esses primeiros dias do reality com a entrada primeiramente de duas duplas de gêmeos, que na verdade só um de cada dupla permanecerá no programa, e estes, serão escolhidos pelo público, a partir de quarta-feira (25/01).

Foi apresentado o humorista Rafael Cortez, que fará ligação entre o programa e o público. Não sei se por ser a primeira aparição, achei ele meio “Robô”, meio paradão.

Tiago apresentou também “Os Silva”, família oficial do BBB 17, que são fantoches que farão piadas durante o reality. Achei meio infantil, mas vamos ver como vai ficar.

A arquitetura da casa mais vigiada do Brasil também mudou. Toda sua fachada é inspirada em vilas históricas, assim como a decoração.

Foto: Reprodução Instagram/bbb


As duplas de gêmeos entraram na casa, fizeram um reconhecimento e foram se conhecer.

Aconteceu uma prova entre eles para mostrar o quanto um irmão conhecia o outro e a dupla campeã já levou 10 mil reais.

O Big Brother Brasil 2017 teve muitas novidades na estreia, umas legais e outras nem tanto. Mas foi dada a largada e hoje, 24/01, os outros 13 participantes entram na casa. Aí sim, o programa começa de verdade.

Vamos aguardar!

Posts Relacionados:
Postado em: 20/01/2017 às 02:37 - Por: Neli Carpinter

Esses dias encontrei uma receita de massa de pastel que achei interessante. Resolvi testá-la. Não fiz pastel, e sim, enroladinho de salsicha.

Enroladinho de Salsicha

Massa:
2 ½ xícaras de farinha de trigo
1 caixinha de creme de leite
sal a gosto

Modo de preparo:
Em uma tigela, junte os 3 ingredientes e misture.
Sove bem a massa até ela ficar homogênea.
Coloque a massa em um saco plástico e deixe na geladeira por 15 minutos.
Abra a massa bem fininha, corte em pedaços que caiba uma salsicha.
Enrole a salsicha com a massa e aperte bem as bordas.
Frite em óleo quente.

Rende uns 20 enroladinhos e fica uma delícia.

Essa é uma massa que dá para fazer enroladinho, pastel frito e pastel de forno.

Na hora que encontrei a receita, só a li e esqueci de guardar o link dela. Se vc for o dono da receita, por favor entre em contato para que eu possa dar os devidos créditos.

Posts Relacionados:
Postado em: 19/01/2017 às 22:39 - Por: Neli Carpinter

Após usar o efassor como descrevi no post Efassor – Removendo pigmento vermelho do cabelo, decidi que iria platinar o cabelo. Para isso usei a tinta 12.11 da Alfaparf Alta Moda. Nooosa! E não é que ficou platinado mesmo?!?!? Só molhado, porque depois de seco ficou um coco. Molhado estava do jeito que havia imaginado. Fiquei felizona. Pra depois de secar ter a grande decepção. Não era essa cor que eu queria, rsrsr… rir para não chorar.
Sem contar que manchou e ressecou bastante o cabelo.

Olha aí na foto que você vai concordar comigo, com certeza.

Não sabia o que fazer para amenizar a decepção capilar do dia. Pensei, pensei e… RÁÁÁÁÁÁ! Tinta castanha nele! 4.0 da Koleston e depois algumas luzes. Seria a solução? Até foi, mas não fiquei satisfeita com as luzes (até aqui fiz tudo sozinha em casa) e fiz mais (no salão).
Cheguei num resultado que gostei, mas os meus cabelos? Detonados! Mas não emborrachou. Agora partir para hidratação, reconstrução e umectação. Não necessariamente nessa ordem.

ATENÇÃO!
Não façam todas essas loucuras no seu cabelo. O meu, sei que apesar de detonar, é bem resistente. Já passei por outras experiências e foi tranquilo. Caso queira mudar, procure um profissional.

Editado:
1- Fiz 1 hidratação e 1 umectação depois disso e o cabelo já está com outra textura. Breve posto fotos.
2- Estou amando o comprimento do cabelo e também estou curtindo usá-lo com gel (wet hair)

Posts Relacionados:
Página 6 de 413456789203040